Categorias

Arquivo

15 de dezembro de 2016

Sabe aquela dúvida comum quando se combina um encontro com amigos: "então, em que lugar vamos jantar"? Uma das funcionalidades do novo comunicador Google Allo é justamente essa. Basta você perguntar a seu amigo: "quais os restaurantes japoneses bons aí no seu pedaço?", para que o aplicativo, que funciona com a base de dados do sistema de busca e do Google Maps, apresente as melhores e mais próximas opções de culinária nipônica na tela do bate-papo - e não numa outra janela qualquer.

Esse é apenas um dos features inovadores do Google Allo, que chega ao Brasil num cenário bem aquecido. A consultoria Delloite, em pesquisa sobre hábitos de consumo do brasileiro em relação ao smartphone, registrou que uma das razões elementares para aquisição do aparelho é o uso de comunicadores instantâneos como o Whatsapp e o Messenger. O apego do brasileiro pelo chat é mesmo um caso sério: a pesquisa revelou que 37% dos usuários verificam mensagens caso acordem no meio da madrugada e 28% afirmam responder às mensagens nesse horário.

O número de usuários dos apps comunicadores não para de crescer e é possível acompanhar alguns fenômenos interessantes da área. Em maio de 2016, por exemplo, a justiça brasileira decretou o bloqueio do Whatsapp por 72 horas, o que resultou num aumento considerável de usuários do aplicativo Telegram. A migração de plataformas é feita de maneira muito veloz, fato que caracteriza este segmento mobile.

Visando este mercado cheio de oportunidades e transformações rápidas, o Google Allo foi lançado com o conceito de "add more you to your chats", buscando oferecer – além da troca de mensagens de texto básica – uma série de features lúdicos e interações em rede diferenciadas. O vídeo a seguir mostra um pouco do que o sistema oferece: https://www.youtube.com/watch?v=VXEkoXgb4bI

Além dos tradicionais emojis e stickers, o Google Allo oferece opções interessantes de interface em relação a outros apps similares, como aumentar/diminuir o tamanho do texto. No entanto, o principal diferencial do produto é a ajuda do Google Assistant, que pode sugerir restaurantes, filmes ou outras opções de entretenimento com base no conteúdo da conversa dos usuários e também na geolocalização. Assim, se o teor dessa conversa é "vamos procurar um bom sushi aqui por perto", o Allo aponta as opções, surge uma série de adwords de restaurantes orientais próximos aos usuários. E mais uma série de opções: consultar a localização do estabelecimento no mapa, vê-lo por dentro, ligar para lá ou conferir fotos do lugar feitas por internautas. São as funcionalidades que já conhecemos do Google, afinal, só que inseridas no contexto da sua conversa.

A publicidade contextualizada numa conversa deixa de figurar como anúncio e passa a ser conteúdo relevante para o usuário. Sem dúvida alguma, o Google Allo está mostrando possibilidades de interface e negócios que o universo mobile apenas começou a esquadrinhar. Vale a pena fazer o download do aplicativo e ficar atento a esses movimentos.

>> Precisa de um atalho?
  1. O Google lançou em setembro de 2016 o comunicador de mensagens instantâneas Allo.
  2. A interface do app permite aumentar/diminuir textos, além de outras intervenções lúdicas com emojis e desenhos em fotos.
  3. O produto possui a possibilidade de inserção de publicidade contextualizada com o conteúdo que está sendo discutido entre os usuários.
facebook twitter email

Já falamos muito sobre a gente

Vamos falar de você

Será que acabamos se tornam melhores amigos ? Você vai ouvir de nós em breve.