Categorias

Arquivo

4 de dezembro de 2017

O final do ano é, sem dúvidas, a época que apresenta mais oportunidades para as marcas que querem se conectar com seus consumidores. A perspectiva das férias e das festas de fim de ano mudam o comportamento das pessoas fazendo com que dezembro seja o mês com maior movimentação nas ruas do ano, como mostramos aqui. Mas não é só a busca por presentes que faz os consumidores transitarem pelas ruas brasileiras. Organizar a ceia para reunir a família no Natal e no Ano Novo é uma tradição forte no país, e uma chance para os varejistas se destacarem e conquistarem as mesas dos brasileiros.

Ninguém abre mão de fazer um jantar especial na véspera do Natal, e, para não faltar nada, as pessoas vão aos supermercados e atacadistas em busca dos melhores preços:



O aumento no volume de navegações para atacadistas mostra que a preocupação com o preço está presente no planejamento da ceia. Em 2016, os produtos mais procurados para compor o cardápio dos brasileiros já estavam 10% mais caros em relação ao ano anterior. Uma ótima maneira de conquistar esse consumidor que preza a economia são anúncios que destacam promoções. Um preço imbatível pode ser decisivo para o motorista desviar sua rota e já garantir aquela ave ou castanha que está na sua lista de compras.

Ao mesmo tempo em que existe a preocupação com a economia, o consumidor brasileiro não abre mão de ter alguns itens especiais à mesa. É o que vemos acompanhando o fluxo para groceries gourmet. O empório Santa Luzia, por exemplo, em São Paulo, recebe movimento 18% maior na época do Natal. A lojas de vinho também são muito visadas pelo consumidor na época, com grandes índices de aumento, como mostra o gráfico abaixo.


Para garantir a qualidade dos produtos e deixar o dia mais tranquilo para todos, há também quem prefira deixar a ceia a cargo de restaurantes. No ABC Paulista os jantares chegam a aumentar em 30% o movimento nesses locais. Segmentar anúncios para os trajetos que levam a esses estabelecimentos pode ser uma ótima forma de entrar em contato com aqueles que já estão planejando a ceia.

Mesmo para quem vai cozinhar, boa parte das compras ainda é feita no próprio dia da véspera. O mesmo comportamento é observado antes do Reveillon. As manhãs dos dias 24 e 31 de dezembro lotam os supermercados, e, depois do meio dia, o brasileiro volta para casa para se preparar para as festas. 


Mesmo que as compras finais sejam feitas no dia da ceia, conquistar esses consumidores que estão com fome de festa é planejar uma estratégia de mobility marketing que começa já nas semanas anteriores ao Natal ou do Ano Novo. A produção da ceia é feita com carinho pelos brasileiros, e é uma preocupação que já está na agenda e no radar das pessoas ao longo do mês de dezembro.

É por isso que chamar a atenção do público em movimento com mobility-based ads é um diferencial para se destacar. Afinal, como já mostramos aqui no The Compass, o Waze está presente no prime time da rotina do consumidor. De manhã cedo, quando o motorista está revendo sua agenda mental de compromissos, e no final do dia, quando ele está voltando para a casa e está propenso a fazer um desvio rumo a um supermercado com itens em promoção, por exemplo. Esses momentos, nas semanas anteriores às festas são essenciais para criar awareness e garantir que a sua marca seja lembrada no momento das compras para a ceia. Marcar seus pontos de venda com pins, por exemplo, é uma boa estratégia. Nos dias que antecedem as festas, aposte no poder do last mile to store que só o mobility marketing tem para converter o awareness em navegações para pontos de venda.

O final de ano é um momento em que muitas marcas disputam espaço e o mobility marketing pode ajudar a diferenciar e conquistar a atenção do consumidor no contexto certo, seja na hora de escolher os presentes de Natal, ou de planejar a ceia.


facebook twitter email

Já falamos muito sobre a gente

Vamos falar de você

Será que acabamos se tornam melhores amigos ? Você vai ouvir de nós em breve.